Dá para aprender a ser criativo?⁣

Eu tenho experimentado algumas técnicas, cores e formas de desenhar diferentes das que já estou mais acostumado. A ideia é movimentar o corpo e me colocar em situações diferentes, um dos exercícios que trabalho no meu curso novo de Desbloqueio Criativo na Quanta. Aliás, as inscrições estão abertas!
https://quantaacademia.com/curso/desbloqueio-criativo-semestral-ead-on-line/

Mais do que aprender a ser criativo eu tenho experimentado pessoalmente que a criatividade pode ser treinada, praticada. Mas como? Tentando fazer com que ela faça cada vez mais parte da sua rotina. Sempre que me vejo mais imerso em um cotidiano criativo, entre livros, leituras e descobertas novas, filmes interessantes, rabiscos e colagens, meu desenho começa a sair de maneira muito mais fluida!⁣

E o contrário também acontece. Quando me vejo imerso em um cotidiano inteiro de trabalhos repetitivos, sem abrir ou reservar um espacinho para que eu faça algo diferente ou divertido, logo o desenho começa a chegar de maneira mais difícil.⁣

Tente reservar um tempo só seu na rotina para experimentar coisas novas. Arrisque criar um novo caderno temático, comece a praticar colagens, tente desenhar com giz de cera, pintar com aquarela. Parece clichê, mas manter o corpo nesse movimento criativo faz toda a diferença na hora de se afastar dos bloqueios.⁣

Aliás, tente esquecer essa palavra do vocabulário. Esqueça a ideia de bloqueio criativo e aprenda a entender seu próprio corpo. Temos dias mais agitados e de intensa produção, outros de contemplação, outros de vazio para dar a espaço a novas ideias. Respeite esses ciclos e não se cobre estar sempre no auge da produção. Isso também tem me ajudado demais.⁣

Você já experimentou como esse movimento criativo pode te deixar mais inspirado?⁣

You may also like

Back to Top